Moças com TDA/H e Transtornos Alimentares

As Moças com TDAH Apresentam um Risco Maior para Transtornos Alimentares? Resultados de um Estudo Controlado Prospectivo de Cinco Anos de Duração.

O objetivo do trabalho foi avaliar a associação entre TDAH e Transtornos Alimentares (anorexia e bulimia) numa grande população de moças com TDAH.

Estimou-se a incidência de Transtornos Alimentares no período vital. Foram feitas comparações entre moças com TDAH com e sem Transtornos Alimentares, em relação à ocorrência de comorbidades, ao curso do TDAH, ao crescimento e à puberdade.

Resultados encontrados:

Moças com TDAH apresentaram 3,6 vezes maior probabilidade de preencher critérios para um transtorno alimentar durante o período de acompanhamento do que as jovens do grupo controle.

Moças com TDAH + Transtornos Alimentares mostraram índices significativamente mais altos de depressão maior, transtornos de ansiedade, e transtorno disruptivo do comportamento em comparação com as moças com TDAH e sem transtornos alimentares.

Moças com TDAH + transtornos alimentares tiveram um idade média da menarca mais cedo do que as outras moças com TDAH.

Os achados desse estudo permitem concluir que:
1. O TDAH aumenta significativamente o risco para um transtorno alimentar.
2. A presença de um transtorno alimentar em jovens com TDAH eleva o risco para outras comorbidades e prejuízos funcionais.

Biederman et al                                                                                                                                       J Dev Behav Pediatr 2007 Aug; 28 (4): 302-307.

Esta entrada foi publicada em Sem categoria. Adicione o link permanente aos seus favoritos.